Menina de cinco anos morre após ser estuprada; vítima tinha paralisia cerebral

Menina de cinco anos morre após ser estuprada; vítima tinha paralisia cerebral

(Foto: divulgação/Polícia Civil)

Redação VN
[email protected]

Uma menina de cinco anos, que tinha paralisia cerebral, morreu após ser estuprada, na cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul. A vítima chegou a ser levada pela mãe ao Hospital Universitário, mas não resistiu. O caso aconteceu no sábado (07).

Conforme a polícia, o suspeito do abuso, filho do padrasto da menina, tem 18 anos e confessou o crime. Ele teve a prisão preventiva decretada e está custodiado na Penitenciária Estadual De Santa Maria. Em depoimento, o suspeito afirmou que após o crime, ele deixou a vítima ainda respirando.

Segundo a delegada que investiga o caso, Roberta Trevisan, em entrevista ao UOL, o estupro aconteceu no berço em que a vítima estava. No quarto dormiam o padrasto e a mãe da menina, que negam ter ouvido alguma coisa. De madrugada, o padrasto teria notado que a criança estava roxa e respirava de maneira fraca, então ele e a mulher levaram a menina para o hospital.

A polícia questiona a versão dos familiares e a delegada afirma que é “impossível” ninguém ter ouvido o crime, por conta da extensão dos ferimentos na vítima. A perícia ainda vai definir qual foi a causa da morte.

O post Menina de cinco anos morre após ser estuprada; vítima tinha paralisia cerebral apareceu primeiro em Varela Notícias – Conectado aos Baianos.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *