Próximo a Itapetinga: Polícia Civil realiza mega operação “Cleaning”

Notícia atualizada! Próximo a Itapetinga: Polícia Civil realiza mega operação “Cleaning”

Na manhã desta quinta-feira (31), a Polícia Civil realizou a operação “Cleaning” (limpeza), que teve como objetivo cumprir 24 mandados de busca e apreensão e 1 de prisão, no Médio Sudoeste Baiano.

A ação policial contou com 11 equipes, entre delegados e investigadores, e tem o comando coordenador da 21ª Coorpin, Antônio Roberto Júnior.

Os trabalhos se concentram na cidade de Maiquinique, onde 15 pessoas foram levadas para a delegacia, após serem abordados em bairros como Centro, Morumbi e “Preto”. Foram confeccionados três TCOs por posse e uso de entorpecentes.

Um homem, identificado como Crislan Souza Nunes, “Et”, foi preso por força de mandado de prisão por roubo qualificado.   

Também foi alvo de busca e apreensão três imóveis pertencentes ao comerciante Sebastião Ferraz de Oliveira, “Tião”, acusado de pedofilia. Foram apreendidos três armas de fogo, sendo um rifle calibre 28, uma espingarda calibre .22, uma garrucha, além de 13 munições calibre 28, nove munições calibre .22 e uma munição calibre .32.

Ainda com “Tião”, segundo a polícia, foram apreendidos 04 aparelhos celulares, um tablet, uma CPU, uma máquina fotográfica, uma filmadora e 07 cartões de memória, objetos estes que serão periciados, uma vez que há suspeita de armazenamento de imagens de cunho sexual envolvendo adolescentes.

A investigada Maria Dalva Vieira da Rocha, “MEMÉ”, também foi alvo de busca e apreensão, sendo encontrado em seu poder 17 cartões de benefício social em nome de pessoas diversas, além de outros 09 cartões bancários de diversos correntistas, totalizando 26 cartões retidos ilegalmente pela conduzida, que será investigada pela retenção ilegal de documentos e extorsão, já que as investigações apontam nesse sentido, segundo a Polícia Civil.

“Tião” foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e Maria foi interrogada e liberada, sendo instaurado Inquérito Policial para apurar supostas extorsões e a retenção dos cartões.

A operação da Polícia Civil foi Coordenada pelos delegados Roberto Júnior, Coordenador Regional e Irineu Andrade, Titular de Itapetinga, além de escrivães e Investigadores.

Notícia atualizada às 10h0 para acréscimo de informações.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *